Traders costumam usar gráficos de preços para entender os valores e o volume de um ativo ao longo do tempo. Além disso, eles também monitoram a flutuação dos preços para estabelecer tendências. Uma das maneiras mais comuns para conseguir isso é ficar de olho em dois níveis-chave – suporte e resistência.


Este artigo em resumo:


  • Suporte se refere ao nível no qual os preços param de cair e retomam uma subida de valor.
  • Resistência se refere ao nível no qual os preços param de subir e voltam a cair.
  • O nível de suporte e resistência é determinado por oferta e demanda.


Suporte e resistência: o que significam?

Os níveis de suporte e resistência representam o fundo e o topo do valor de um ativo.

Ao longo de um determinado período, você percebe que o valor de um ativo continua em queda, mas apenas até um certo limite. Do mesmo modo, quando os preços estão em tendência de alta, você nota que eles nunca ultrapassam um certo nível no mesmo período. Esses dois níveis formam o conceito de suporte e resistência para um ativo durante o intervalo de tempo definido.

Linha de suporte

A linha de suporte de trading se forma quando o valor do ativo para de cair e volta a subir. Isso não significa que o preço está em tendência de alta, mas sim que o preço simplesmente se recusa a cair além de um determinado nível. 

Pense na linha de suporte como o chão e na linha de preço como uma bola de borracha quicando nele. Essa dinâmica pode acontecer várias vezes, durante diversas horas, dias ou semanas, até ocorrer uma quebra da linha. Você pode mapear a linha de suporte ao longo de um determinado período traçando e conectando os pontos nos quais os preços voltam a subir.

O que é Suporte e Resistência no Trading?

Linha de resistência

A linha de resistência representa os pontos nos quais o valor de um ativo para de subir e encontra o teto. O preço irá subir até a linha de suporte, mas não a atravessará até que ocorra uma quebra.

Isso pode acontecer várias vezes, repetindo o mesmo efeito de rebatida que existe na linha de suporte. Assim, a linha de resistência pode ser desenhada da mesma forma que a linha de suporte, conectando os pontos nos quais o preço se recusa a subir ao longo do tempo.

O que é Suporte e Resistência no Trading?

Por que as linhas de suporte e resistência ocorrem?

O nível de suporte e resistência é determinado por oferta e demanda. Se existem mais pessoas comprando do que vendendo ativos, os preços começam a subir. Em um determinado momento, quando os preços se tornam desinteressantes para os compradores, eles param de comprar e a demanda diminui. Isso puxa o preço dos ativos para baixo.

Do mesmo modo, a presença de mais vendedores do que compradores indica preços menores. Entretanto, preços mais baixos também aumentam o interesse de compradores, o que impede que os preços caiam além do nível de suporte.

Por isso, esses níveis representam a atividade de compra e venda de ativos. Eles demonstram como os compradores e vendedores atuantes se comparam entre si. Contudo, níveis de suporte e resistência na bolsa são indicadores variáveis, podendo mudar a qualquer momento.

A pressão por compra e venda pode fazer com que os preços quebrem os níveis dos indicadores de suporte e resistência. Eles podem entrar em uma tendência de alta ou de queda e, assim, novas linhas de resistência e suporte são criadas.

Encontrando os níveis de suporte e resistência

Geralmente, é possível encontrar a linha de suporte no trading traçando os pontos onde o valor do ativo se recusa a cair. Essa é a explicação mais simples. Porém, seremos um pouco mais técnicos. Essas são as três principais formas de identificar a linha de suporte para usar no trading:

Dados de histórico de preços

Uma forma efetiva de determinar os níveis de suporte é averiguar preços e padrões de preços passados. Um indicador útil é quando um ativo tiver estabelecido níveis de suporte e resistência notáveis no passado.

Por exemplo, se uma linha de suporte tiver ocorrido várias vezes ao longo de alguns meses, qualquer tendência futura acerca deste nível pode ser significativa. O mesmo se aplica também aos níveis de resistência – caso um nível de resistência passado tivesse sido quebrado pelo preço, após segurar por um tempo, ele teria se transformado em um nível de suporte.

Essa é uma forma bem direta de estabelecer níveis de suporte, mas o contexto importa. Os dados de histórico de preços não dizem qual era o cenário em que o mercado se encontrava naquele momento. Embora seja muito útil ver quais eram os níveis de suporte passados, as condições do mercado podem ter sido diferentes do momento atual, o que pode afetar a confiabilidade dos dados históricos de valores. 

Indicadores técnicos

Você pode traçar as linhas de tendência (que são indicadores técnicos) em um gráfico de preços para averiguar um padrão de valores. Esses padrões não irão dar uma resposta definitiva, mas podem oferecer uma clareza maior sobre a movimentação dos preços atuais e potenciais quebras.

Os melhores indicadores de suporte e resistência

Esses são alguns indicadores aos quais devemos dar atenção quando consideramos os níveis de suporte e resistência:

  • Níveis anteriores de suporte e resistência: Usar pontos anteriores de suporte e resistência pode ser a maneira mais simples de estabelecer níveis atuais de price action em suporte e resistência. Se a tendência atual corresponder aos níveis passados de suporte e resistência, pode significar que os preços irão continuar sendo negociados nos mesmos níveis.
  • Médias móveis: Ative o indicador de médias móveis na sua plataforma de trading. Desenhe uma linha do ponto mais alto até o ponto mais baixo em um espaço de tempo que você escolher. Se a tendência é de alta, a média móvel se transforma no nível de suporte. Se a tendência é de queda, a média móvel será o nível de resistência.
  • Topos e fundos: Selecionar os preços máximo e mínimo em um determinado espaço de tempo pode te ajudar a identificar os topos e fundos. Se a tendência é de baixa, o nível de suporte será mais baixo do que o ponto mínimo. Se a tendência é de alta, o nível de suporte será mais alto do que o pico mais baixo.
  • Linhas de tendência: Desenhe as linhas de tendência em um gráfico de preços. Se houver pelo menos três topos em uma mesma direção, você pode assumir que uma nova tendência está se formando.

Com que precisão você consegue identificar os níveis de suporte e resistência? Teste o seu conhecimento acessando gráficos de preço através de uma conta INFINOX demo ou no modo real. Você pode aprender ainda mais sobre suporte e resistência seguindo as nossas dicas de análise de gráficos. 


Este material é apenas para fins de informação geral e não se destina (e não deve ser considerado) como aconselhamento financeiro, de investimento ou outro em que se deve confiar. A INFINOX não está autorizada a prestar consultoria de investimento. Nenhuma opinião dada no material constitui uma recomendação da INFINOX ou do autor, de que qualquer investimento, título, transação ou estratégia de investimento em particular sejam adequados para qualquer pessoa específica.